terça-feira, 25 de agosto de 2015

Livro: O Conde Enfeitiçado

Sinopse: "Toda vida tem um divisor de águas, um momento súbito, empolgante e extraordinário que muda a pessoa para sempre. Para Michael Stirling, esse instante ocorreu na primeira vez em que pôs os olhos em Francesca Bridgerton.
Depois de anos colecionando conquistas amorosas sem nunca entregar seu coração, o libertino mais famoso de Londres enfim se apaixonou. Infelizmente, conheceu a mulher de seus sonhos no jantar de ensaio do casamento dela. Em 36 horas, Francesca se tornaria esposa do primo dele.
Mas isso foi no passado. Quatro anos depois, Francesca está livre, embora só pense em Michael como amigo e confidente. E ele não ousa falar com ela sobre seus sentimentos – a culpa por amar a viúva de John, praticamente um irmão para ele, não permite.
Em um encontro inesperado, porém, Francesca começa a ver Michael de outro modo. Quando ela cai nos braços dele, a paixão e o desejo provam ser mais fortes do que a culpa. Agora o ex-devasso precisa convencê-la de que nenhum homem além dele a fará mais feliz.
No sexto livro da série Os Bridgertons, Julia Quinn mostra, em sua já consagrada escrita cheia de delicadezas, que a vida sempre nos reserva um final feliz. Basta que estejamos atentos para enxergá-lo."


Comentando...

 Se estava curiosa para ler esse livro? Bom, acho que a resposta é óbvia: SIM, sim e sim! E ao longo de 287 páginas pude viver novamente no universo criado pela autora queridinha de Romances de Época, Julia Quinn.

 Algo que chama atenção em "O Conde Enfeitiçado" é  o fator temporal do enredo. Certos fatos acontecem simultaneamente, ao do livro " Os Segredos de Colin Bridgerton" e do volume "Para Sir Phillip, Com Amor ". 

 Confesso que teve partes que fiquei agoniada do estilo : "Michael lute por Francesca". E quando isso aontece... Parece que as páginas voaram de tão bom, pois o personagem usa todos os artificiosos de sedução possíveis.  E é missão impossível não se apaixonar por ele:

" Agora que enfim acontecera, agora que ele saboreara a perfeição, sua agonia era maior do que antes.Agora sabia exatamente o que não tinha; compreendia com dolorosa clareza, o que jamais seria seu. "- Página 179

"Mas esse era o problema com as palavras.
  Ele riu, amargo
  Não se podia tomá-las de volta. " - Página 254


 Ao iniciar a leitura de "O Conde Enfeitiçado" certos acontecimentos me pegaram de surpresa, mas tudo que a autora coloca é como uma pecinha de quebra-cabeça que ao longo da história faz todo o sentido.  Quinn, com sua narrativa ímpar, ganha o coração do leitor que gosta de um bom Romance de Época.

 A seguir uma montagem especial que fiz de como imagino os protagonistas Michael e Francesca.


sábado, 22 de agosto de 2015

Assisto ou Desisto: Flipped

Sinopse: "Juli (Madeline Carroll) e Bryce (Callan McAuliffe)  se conheceram aos sete anos de idade. Ela sempre admirou o menino, mas ele achava a vizinha meio estranha. Aos 13 tudo muda e ele começa a se apaixonar pela menina. Juntos, eles compartilharam diversas experiências amorosas, como o famoso primeiro beijo, que faz parte da vida de todo adolescente."

Comentando...


Apesar de ser um filme de 2010, somente cinco anos depois, ou seja, agora que  "descobri" e assisti.


 Aqui no Brasil o filme saiu com o título nada original de "O primeiro amor" . Este é baseado no livro "Flipped" de Wendelin Van Draanen da editora Randon House e pelo que pesquisei, infelizmente não foi lançado um livro traduzido para o Português. 


 A sinopse de "Flipped" pode até não chamar atenção, mas com certeza é daqueles filmes que você pode chamar de singular. O tempo todo temos as mesmas cenas mas com os pontos de vistas diferentes: Um na visão Juli e outro de Bryce. Dessa forma, pode-se conhecer exatamente "o lado" de cada um. 

Tenho que destacar Juli Baker que é uma protagonista extremamente doce, aquela mocinha que faz o telespectador sorrir e outra característica apaixonante é a narração dela.  

 E ao contrário do que muitos podem pensar, não é "amor à primeira vista" pois Bryce inicialmente não gosta dela e é ótimo ver a mudança da visão dele  aos poucos.
"Flipped" é aquele tipo de filme que TODOS devem assistir, pois carrega em cada cena uma  sensibilidade completamente encantadora .

segunda-feira, 17 de agosto de 2015

Livro: O Trono Lobo Gris

Sinopse:"Han Alister pensou que já havia perdido todas as pessoas que amava, mas, ao encontrar Rebecca Morley à beira da morte nas Montanhas Espirituais, percebe que nada é mais importante do que salvá-la. O preço que paga por isso é alto, e nada poderia preparar Han para o que descobre em seguida: a garota que ele conhece pelo nome de Rebecca é, na verdade, Raisa ana’Marianna, a princesa-herdeira de Fells. Magoado e se sentindo traído, Han tem certeza de que não há futuro para ele ao lado da herdeira do trono. Além do mais, ainda nutre ódio pela família real, que permitiu que sua mãe e irmã fossem assassinadas. Com ameaças surgindo de todos os lados, Raisa só pode contar com sua inteligência e força de vontade para sobreviver — e mesmo isso pode não ser o bastante quando a força do destino é cruel e inevitável."

Comentando...

No terceiro livro da série Os Sete Reinos, Raisa está tentando voltar para casa e também está tentando sobreviver aos atentados à sua vida.

"É uma droga, pensou Raisa, estremecendo, quando há tantas pessoas querendo matá-la que mal dá para identificar todas." Pág. 17

Han saiu de Vau de Oden buscando o paradeiro de Rebecca Morley. Ele já tinha perdido as pessoas que amava e não poderia deixar  mais uma se perder.

"Cada vez que tento guardar alguma coisa para o futuro, ela é tirada de mim." Pág. 26

Han encontra Rebecca à beira da morte nas Montanhas Espirituais e que tem que fazer de tudo para salvá-la. Ela tornou-se muito importante para ele. Mas ele descobre que Rebecca é a princesa-herdeira de Fells, Raisa ana'Marianna.

"Ele se sentia um tolo, a vítima de uma armação cruel." Pág. 179

Ele sente-se traído e ainda culpa a família real pelas mortes de sua mãe e sua irmã. Han acha que não terá futuro com a princesa-herdeira.

Estava aguardando ansiosamente o lançamento do terceiro volume da série Os Sete Reinos. A série me cativou, me prendeu. Mesmo no terceiro livro a história te prende e ficamos querendo saber o que vai acontecer em seguida. A narrativa continua surpreendente e envolvente como nos outros livros.
Raisa cresceu muito desde o primeiro livro, ela tem que lidar com as responsabilidades que o trono trará e sabe que terá que tomar decisões importantes mesmo que tenha que deixar seus sentimentos de lado, e pensar racionalmente em suas decisões.

"-Saiba que às vezes é preciso escolher o dever em vez do amor. Não se esqueça do dever. Mas escolha o amor quando puder." Pág. 88

Depois de todos os acontecimentos com sua família, Han se sentiu traído ao descobrir que Rebecca não era uma garota qualquer mas sim a princesa-herdeira Raisa. Ele tem certeza que não terá um futuro ao lado dela. Mesmo com tantos acontecimentos contraditórios, Han ainda possui sentimentos profundos por Raisa e irá tentar protegê-la. Ele também continua com seus planos e irá em frente com eles.

A história está cheia de intrigas, com muita ação. Os personagens estão lidando com todas dificuldades, Raisa e Han mesmo diante de todos os acontecimentos continuam lutando e enfrentando os desafios.

Agora é esperar ansiosamente pelo próximo volume: A Coroa Escarlate.

sexta-feira, 14 de agosto de 2015

Livro: A voz do ARQUEIRO

Sinopse: "Cada livro da coleção Signos do Amor é inspirado nas características de um signo do Zodíaco. Baseado na mitologia de Sagitário, A voz do arqueiro é uma história sobre o poder transformador do amor. Bree Prescott quer deixar para trás seu passado de sofrimentos e precisa de um lugar para recomeçar. Quando chega à pequena Pelion, no estado do Maine, ela se encanta pela cidade e decide ficar. Logo seu caminho se cruza com o de Archer Hale, um rapaz mudo, de olhos profundos e músculos bem definidos, que se esconde atrás de uma aparência selvagem e parece invisível para todos do lugar. 

Intrigada pelo jovem, Bree se empenha em romper seu mundo de silêncio para descobrir quem ele é e que mistérios esconde. Alternando o ponto de vista dos dois personagens, Mia Sheridan fala de um amor que incendeia e transforma vidas. De um lado, a história de uma mulher presa à lembrança de uma noite terrível. Do outro, a trajetória de um homem que convive silenciosamente com uma ferida profunda. Archer pode ser a chave para a libertação de Bree e ela, a mulher que o ajudará a encontrar a própria voz. Juntos, os dois lutam para esquecer as marcas da violência e compreender muito mais do que as palavras poderiam expressar."


Comentando...

 Assim que soube que ia ser lançado aqui no Brasil, fiquei ultra curiosa para saber mais sobre esse livro  e vi inúmeras resenhas positivas sobre " Archer`s voice" o que fez a vontade de ler só aumentar e agora posso dizer que entendo o motivo de tantos elogios.

 Antes de iniciar o capítulo inicial, Mia Sheridan presenteia o leitor com  " A lenda de Quiro, O CENTAURO" e essa pequena leitura já dá uma certa pista do que pode-se esperar dessa leitura.

 A autora consegue criar um enredo digno de uma boa trama mexicana . Personagens  altamente complexos e sofridos... O segredo de Bree é revelado em cerca da metade do livro fazendo o leitor a entender melhor. Já a história completa do passado de Archer Hale é revelada um pouquinho no início, mas deixando um grande ar de mistério e somente mais para o final que tudo é explicado e encaixa-se perfeitamente.

 Falando em Archer, inicialmente ele é uma pessoa totalmente fechada e a autora soube desenvolver de maneira extremamente natural a mudança de comportamento do personagem:

" Ele sorriu. Ainda não estava acostumada com os sorrisos dele e naquele momento em especial fez meu coração acelerar mais um pouco. Eram como um presente que ele distribuía de forma parcimoniosa. Eu o recolhi e guardei  em algum lugar dentro de mim. " - Página 86

 Algo que chamou minha atenção foi em como alguns aspectos Bree e Archer tinham histórias semelhantes e opostas ao mesmo tempo:

" [...] Ela carregava a culpa de não ter lutado quando pensava que deveria e eu carregava a cicatriz do que acontecera quando eu lutara. Tínhamos reagido de formas diferentes em um momento de terror e ambos ainda sofríamos com isso. " - Página 102

Enquanto o "dia de terror' de Bree ocorre em um dia de tempestade o de Archer  tem o cenário oposto:

" [...] Como alguma coisa ruim podia acontecer sob um céu tão claro, tão límpido e azul?" - Página 257

 Um ponto alto no livro é que a autora tem uma sensibilidade que os problemas enfrentados pelos protagonistas não ficam com aquele ar de forçado:

"  Amar outra pessoa sempre significa se abrir para a dor. Também não quero perder mais do que já perdi, mas será que não vale a pena dar uma chance ao amor? "- Página 233

" [...] Coisas ruins não acontecem com as pessoas porque elas merecem. Não é assim que funciona. É só ... a vida. E não importa quem somos, temos que lidar com a sorte que nos cabe, por mais terrível que ela possa ser, e tentar fazer o melhor para seguir em frente de qualquer modo, amar de qualquer modo, ter esperança de qualquer modo... ter fé que há um propósito para nossa jornada. " Página 275 

"Às vezes, quando a vida me parece muito complicada, muito difícil de entender, penso nesses pequenos pedaços de tecido bordado. Tento fechar os olhos e acreditar que, mesmo que não esteja conseguindo ver o outro lado naquele momento, e que o lado que estou vendo seja feio e confuso, há uma obra-prima por trás de tantos nós e fios soltos. Tento acreditar que algo bonito pode resultar de algo feio, e que chegará o momento em que conseguirei ver o que é.[...]"

  "A voz do Arqueiro" é um livro New-adult então é recomendado para este público.  Um livro que faz o leitor sofrer com os personagens, sorrir e suspirar.

A seguir uma fotinho representando o casal :

terça-feira, 11 de agosto de 2015

Livro: Memórias de uma GUEIXA

Sinopse:"Olhos cinza-azulados. Muita água em sua personalidade, é o que diz a tradição japonesa. A água que sempre encontra fendas onde se infiltrar, cujo destino não pode ser detido. Assim é Sayuri, uma das gueixas mais famosas de Gion, o principal distrito dessa arte milenar em Kioto. Com um olhar, ela é capaz de seduzir. Com uma dança, ela deixa os homens a seus pés. O que ninguém sabe é que, por trás da gueixa de sucesso, há um passado de perdas e desilusões de uma mulher que, desde o dia em que o pai a vendeu como escrava, fez cada uma de suas escolhas motivada pelo amor ao único homem que lhe estendeu a mão. Neste livro acompanhamos sua transformação enquanto ela deixa para trás a infância no vilarejo pobre e aprende a rigorosa arte de ser uma gueixa: dança e música, quimonos e maquiagens; como servir o chá de modo a revelar apenas um vislumbre da parte interna do pulso; como sobreviver num mundo onde o que conta são as aparências, onde a virgindade de uma menina é leiloada, onde o amor é considerado uma ilusão. Já idosa, vivendo nos Estados Unidos, ela narra suas memórias com a sabedoria de quem teve uma vida longa e o lirismo de quem soube encontrar nela seu lado mais doce. Neste relato único, que reúne romance, erotismo e, muitas vezes, a dura realidade, Arthur Golden desenvolve uma escrita refinada e dá voz a uma personagem instigante e humana que conquistou milhões de leitores em todo o mundo."

Comentando...

No livro Memórias de uma gueixa a história é narrada por Sayuri, uma senhora que mora nos Estados Unidos e que foi gueixa em sua juventude.

A história começa quando Sayuri é vendida junto com sua irmã pelo pai. Ela morava em um vilarejo pobre e seu pai toma a decisão de que isso seria o melhor para elas. Sayuri é separada de sua irmã e vai trabalhar em uma casa de gueixas. No começo ela é apenas uma escrava na casa, mas depois ganha a chance de tornar-se uma gueixa.

Ao receber essa chance, a vida de Sayuri começa a modificar-se e ela vê a vida de um modo diferente. Mas a vida de uma gueixa não é só de maravilhas e ela tem que enfrentar uma rigorosa educação para ser gueixa, e descobre que as aparências são mais importantes e que o amor é considerado uma ilusão.

Sayuri irá esforçar-se para ser a melhor, em sua jornada ela conhece um homem que lhe estende a mão e a ajuda. O amor por esse homem vai crescendo com o decorrer do tempo e várias de suas decisões serão tomadas por amor a esse homem.

No livro vemos que a vida de uma gueixa não é só música e dança, e que muitas dificuldades aparecem em seu caminho. A narrativa do livro é linda, temos os detalhes de como era a época das gueixas e o que aconteceu quando começou a Segunda Guerra Mundial. O livro é cheio de detalhes e nos vemos dentro do mundo das gueixas.

Um romance fascinante e envolvente que te prende do início ao fim.




sábado, 8 de agosto de 2015

Lançamentos : Editora Arqueiro

Ok! Cada mês está tornando-se missão impossível escolher livros desta editora,o motivo? Os ótimos lançamentos que faz você pensar: " Eu quero esse livro! Ah! Mas eu quero esse também... Ih! Já tem mais livro daquela série que amo, tenho que comprar! "... Segue aqui ALGUNS desses lançamentos:


Sinopse:"Toda vida tem um divisor de águas, um momento súbito, empolgante e extraordinário que muda a pessoa para sempre. Para Michael Stirling, esse instante ocorreu na primeira vez em que pôs os olhos em Francesca Bridgerton.
Depois de anos colecionando conquistas amorosas sem nunca entregar seu coração, o libertino mais famoso de Londres enfim se apaixonou. Infelizmente, conheceu a mulher de seus sonhos no jantar de ensaio do casamento dela. Em 36 horas, Francesca se tornaria esposa do primo dele.
Mas isso foi no passado. Quatro anos depois, Francesca está livre, embora só pense em Michael como amigo e confidente. E ele não ousa falar com ela sobre seus sentimentos – a culpa por amar a viúva de John, praticamente um irmão para ele, não permite.
Em um encontro inesperado, porém, Francesca começa a ver Michael de outro modo. Quando ela cai nos braços dele, a paixão e o desejo provam ser mais fortes do que a culpa. Agora o ex-devasso precisa convencê-la de que nenhum homem além dele a fará mais feliz.
No sexto livro da série Os Bridgertons, Julia Quinn mostra, em sua já consagrada escrita cheia de delicadezas, que a vida sempre nos reserva um final feliz. Basta que estejamos atentos para enxergá-lo."



Sinopse: "Aos 17 anos, Liliana Young tem uma vida aparentemente invejável. Ela mora em um luxuoso hotel de Nova York com os pais ricos e bem-sucedidos, só usa roupas de grife, recebe uma generosa mesada e tem liberdade para explorar a cidade.
Mas para isso ela precisa seguir algumas regras: só tirar notas altas no colégio, apresentar-se adequadamente nas festas com os pais e fazer amizade apenas com quem eles aprovarem.
Um dia, na seção egípcia do Metropolitan Museum of Art, Lily está pensando numa maneira de convencer os pais a deixá-la escolher a própria carreira, quando uma figura espantosa cruza o seu caminho: uma múmia — na verdade, um príncipe egípcio com poderes divinos que acaba de despertar de um sono de mil anos.
A partir daí, a vida solitária e super-regrada de Lily sofre uma reviravolta. Uma força irresistível a leva a seguir o príncipe Amon até o lendário Vale dos Reis, no Egito, em busca dos outros dois irmãos adormecidos, numa luta contra o tempo para realizar a cerimônia que é a última esperança para salvar a humanidade do maligno deus Seth.
Em “O despertar do príncipe”, Colleen Houck apresenta uma narrativa inteligente, cheia de humor e ironia. Este é o primeiro volume da aguardada série Deuses do Egito, uma aventura fascinante que vai nos transportar para cenários extraordinários e nos apresentar a criaturas fantásticas da rica mitologia egípcia."



Sinopse: "A rede de televisão americana CBS adaptou Zoo para uma série de superprodução, com direitos adquiridos pela Netflix.

 Algo está acontecendo na natureza.

Uma misteriosa doença começa a se espalhar pelo mundo. Inexplicavelmente, ani-mais passam a caçar humanos e a matá-los de forma brutal. A princípio, parece ser algo que se dissemina apenas entre as criaturas selvagens, mas logo os bichos de estimação também mostram suas garras e as vítimas se multiplicam.

A humanidade é presa fácil

Apavorado, o jovem biólogo Jackson Oz assiste à escalada dos acontecimentos. Ele já prevê esse cenário alarmante há anos, mas sempre foi desacreditado por todos. Depois de quase morrer em uma implausível emboscada de leões em Botsuana, a gravidade da situação se mostra terrivelmente clara.

O fim da civilização está próximo.

Com a ajuda da ecologista Chloe Tousignant, Oz inicia uma corrida contra o tempo para alertar os principais líderes mundiais, sem saber se as autoridades acredi-tarão em um fenômeno tão surreal. Mas, acima de tudo, é necessário descobrir o que está causando todos esses ataques, pois eles se tornam cada vez mais ferozes e orquestrados. Em breve não restará nenhum esconderijo para os humanos... "

quarta-feira, 5 de agosto de 2015

Livro: Desafio

Sinopse:"No interior das muralhas de Baalboden, à sombra do brutal Comandante da cidade, Rachel Adams guarda um segredo. Enquanto as outras garotas fazem vestidos e obedecem a seus Protetores, Rachel é capaz de sobreviver nas florestas e de manejar uma espada com destreza. Quando seu pai, Jared, é declarado morto em uma missão, o Comandante designa para Rachel um novo Protetor: Logan, o aprendiz de seu pai, o mesmo rapaz a quem Rachel declarou o seu amor há dois anos, e o mesmo que a rejeitou.
Com nada além da forte convicção de que seu pai está vivo, Rachel decide fugir e encontrá-lo por conta própria. Mas uma traição contra o Comandante tem um preço alto, e o destino que a aguarda nas Terras Ermas pode destruí-la.
Aos 19 anos, Logan McEntire possui várias faces. Órfão. Rebelde. Inventor. Aprendiz do principal mensageiro da cidade, Logan se concentra em aperfeiçoar seus conhecimentos para escapar da tirania de Baalboden. Mas seus planos não incluíam tornar-se responsável pela impulsiva filha do seu mentor. Logan está determinado a protegê-la, mas, quando seu plano de fuga fracassa e Rachel é obrigada a suportar as consequências, ele percebe que há mais sentimentos em jogo do que a simples decepção de Jared. 
Enquanto Rachel e Logan lutam para atravessar as Terras Ermas, perseguidos por um monstro que ninguém pode matar e por um batalhão de assassinos com sede de sangue, eles descobrem o romance, a decepção e a verdade que pode desencadear uma guerra latente há vários anos e cada vez mais perto de explodir.
"

Comentando...

   Sabe quando você termina a leitura e pensa: "Nossa! Que livro é esse?" "ADOREI", "Quero mais!" ... Então foram essas as sensações que tive ao ler "Desafio". A autora C.J Redwine consegue fazer a mistura de muita ação, tensão e romance. O tipo de distopia que prende a cada página lida e faz o leitor ansiar e torcer mais e mais pelos personagens. 

 E por falar em personagens a autora acerta em cheio ao criar Rachel uma mocinha forte quando deve ser e ao mesmo tempo consegue demonstrar suas fraquezas. Afinal, heroínas também possuem inseguranças.

 Logan deixa brechas para o desenvolvimento da história do personagem (Afinal quem é o pai dele?). Corajoso, inteligente, doce... Ele conquista o leitor logo no primeiro volume. 


Poderia ficar citando inúmeras partes e trechos desta leitura, contudo dessa vez vou ficar por aqui, porque na sinopse já vem explicando bastante. E é bom ter o  " fator surpresa", aquela curiosidade de saber o que acontecerá na próxima linha. Ressalto aqui: Livro totalmente recomendado, daqueles que entram na lista dos "Top Tops".