quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Sorteio: Mimos literários

Está na moda os livros ganharem adaptações cinematográficas, então o blog Eternamente Princesa! vai realizar um sorteio; o prêmio:

- Bottom de Vampire Academy ( Mimo feito pelos Blogs: Livro Minha Terapia e  As Envenenadas pela Maçã);

- Marcadores com a temática de livros que viraram ou virarão filmes.

Para participar é muito simples:

- Ser seguidor do blog Eternamente Princesa!

- Não virou filme, mas não custa dar uma força para meu livro (Disponível em E-Book pela Editora Novo Conceito) e curtir a página:
https://www.facebook.com/autoralizajones?fref=ts

- Nesta postagem deixar algum comentário indicando sua participação e e-mail para futuro contato.

E prontinho já está participando! Serão válidos os comentários de participação até  06/03/2014. O resultado, a princípio será divulgado no dia 07 de Março.
                  Boa sorte!

segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

Livro:Tentação Sem Limites

Sinopse:"A vida de Blaire Wynn não foi nada fácil. Sua irmã gêmea morreu muito cedo, seu ex-namorado e melhor amigo a traiu e ela precisou cuidar da mãe doente até o último dia de sua vida. Depois de tanto sofrimento, o que ainda seria capaz de machucá-la?
O terrível segredo de Rush Finlay.


Depois de se apaixonar perdidamente por ele, Blaire descobriu algo cruel que destruiu para sempre o mundo que conhecia. Agora ela está mais sozinha do que nunca e precisa recomeçar a vida longe de todos que a feriram. O único problema é que não consegue deixar de amá-lo.


Rush Finlay também não sabe o que fazer. Apesar das tentativas dos amigos e da família para animá-lo, o rapaz segue desolado. Ele já não quer saber da vida que levava, regada a festas, bebidas e mulheres. É atormentado pelas lembranças de um sentimento que jamais imaginara que fosse conhecer e que não pôde ser vivido plenamente.


Nem Rush nem Blaire imaginavam que seus universos pudessem se transformar de forma tão radical. Porém, a maior reviravolta das suas vidas ainda está por vir. E ela será tão intensa que obrigará Blaire a engolir o orgulho, voltar a Rosemary, na Flórida, e enfrentar seus inimigos. Rush por sua vez, terá que lutar para consertar seus erros e se provar digno da confiança e do amor dela.
"

Quem estava na expectativa para ler a continuação de Paixão sem limites já pode ir correndo na livraria se deliciar com a continuação... 

 E se no primeiro volume o leitor se deparava com cenas hots, em "Tentação Sem Limites" não poderia ser diferente. Apesar dos problemas a atração de Rush e Blaire é algo inegável para os dois.

Esse livro é uma leitura rápida, já que conhecemos os personagens, mas mesmo assim consegue nos reservar certas surpresas ao final da leitura (Claro que não revelar para não perder a graça).

 Blaire apesar da mudança em sua vida, continua a mesma com suas inseguranças. No entanto, finalmente consegue resolver situações de seu passado, fato este que gostei. Já o personagem Rush houve um amadurecimento, principalmente devido a "revelação" no final.

 A capa só para variar ficou linda! E uma característica que admiro em Abbi Glines é que em sua narração alternada, quando ela começa a narrar sob o ponto de vista de Rush realmente parece um rapaz contando sua história...Ela consegue incorporar totalmente o personagem!

Ao final desse volume o leitor já é presenteado com um trecho de "Twisted Perfection" que trata mais sobre Woods, um personagem que com toda a certeza quero saber mais.Ainda sobre o casal Rush e Blaire tem o livro "Forever Too Far" ainda não traduzido.
         
Quem curtiu a leitura de Paixão Sem Limites não pode deixar de ler essa continuação.

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

Livro:Poseidon

Sinopse: "Além da beleza fora do comum, com seu cabelo quase branco e seus olhos cor de violeta, Emma chama a atenção por ser um pouco desajeitada.
Ela não se sente muito à vontade em lugar nenhum... e não sabe que sua misteriosa origem é a fonte dessa sensação.
Galen, príncipe dos Syrenas, vasculha a terra procurando uma garota especial, capaz de se comunicar com os peixes — e que poderá salvar seu reino. Quando ele se encontra com Emma, a conexão é imediata: embora não saiba, Emma parece ter o dom que Galen procura. Mas, então,
por que ela não conseguiu salvar sua melhor amiga do ataque do tubarão?
Cabe ao príncipe convencer a teimosa Emma a enfrentar sua real natureza e aceitar o desafi o. E nada pode impedi-lo de alcançar seu objetivo.


 Como começar a comentar esse livro?  A palavra adorável, talvez defina o que senti com essa leitura.

Anna Banks consegue quebrar o padrão, ao invés do leitor ficar limitado a narração vista por um único personagem, ela divide a estrutura do texto da seguinte forma: Um capítulo é contado em primeira pessoa do ponto de vista de Emma e outro é contado em terceira pessoa. A autora ainda usa artifícios como a letra em outra formatação para indicar os pensamentos.

 Emma é uma protagonista com um toque  cômico/irônico em sua forma de se expressar:

"Estou envergonhada? Não envergonhada eu ficaria se tivesse derrubado ketchup na altura da virilha e ele deixasse uma mancha vermelha suspeita.Arrasada? Não. Arrasada eu ficaria se tivesse usado bronzeador e me esquecido de passar um pouco nos pés, de modo que parecesse que eu estava usando meias com chinelos de dedo e vestido." -Página 60/61

Galen (Suspiros pelo personagem!) só para variar temos um rapaz LINDO! É meio engraçado o modo como Emma e ele tem implicância um com o outro, as respostas provocadoras e como ao longo do livro isso vai mudando. O ruim é que quando finalmente tem o  beijo esperado entre os protagonistas é lá pela página duzentos. Eu estava me sentindo como os amigos da Pequena Sereia fazendo de tudo para ela beijar o príncipe. Claro, como todo bom livro a dificuldade para o casal ficar junto envolve um "belo e bem bolado problema".
Obs:Emma NÃO é ruiva.

"Mas o que eu quero está me abraçando, fingindo estar preocupado por eu ter parado de falar." - Página 113

"...Bilhões de belas estrelas em uma noite clara.O Príncipe Peixe Encantado me abraça.Acho que é o momento mais romântico da minha vida."  -Página 170

"Até por não saber por quanto mais tempo seria capaz de permanecer na mesma sala com ela sem usar os braços- e os lábios-para confortá-la."-Página 191

Outra parte que garante risadas e  a autora soube explorar bem foi a novidade que é para Galen o mundo dos humano.Este é um Syrena - simplificando como se fosse sereia.A seguir a descrição do ato de ir ao cinema:

"Assistir a seres humanos fingindo durante duas horas não é bem o que ele chama de diversão." -Página 227

O livro tem continuação e quando termina o leitor já sente o gostinho de quero mais.Adorei e me encantei com essa leitura!

 Como já virou tradição a seguir fotinho de como eu imagino algum personagem, nesse caso o escolhido foi Galen.

terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Música: Golden Slumbers

Segue a tradução da música "Golden Slumbers " composta por Paul McCartney originalmente interpretada por The Beatles, mas a versão que tenho ouvido e amei foi a de  Ben Folds.
Curiosidade: "A letra da canção foi retirada de uma balada do poeta e dramaturgo elisabetano Thomas Dekker (1.570-1.632). Paul McCartney viu a partitura no piano em casa de seu pai, em Liverpool.A letra sofreu alterações, mas a ideia principal era a mesma"


Golden Slumbers
Once there was a way, to get back homeward
Once there was a way, to get back home
Sleep, darling, do not cry
And I will sing a lullaby


Golden Slumbers fill your eyes
Smiles await you when you rise
Sleep, darling, do not cry
And I will sing a lullaby


Once there was a way, to get back homeward
Once there was a way, to get back home
Sleep, darling, do not cry
And I will sing a lullaby


Boy, you're gonna carry that weight
Carry that weight a long time
Boy, you're gonna carry that weight
Carry that weight a long time


I never give you my pillow
I only send you my invitations
And in the middle of the celebrations
I break down


Boy, you're gonna carry that weight
Carry that weight a long time
Boy, you're gonna carry that weight
Carry that weight a long time

Sonhos Dourados
Certa vez havia um caminho para voltar para casa
Certa vez havia um caminho para voltar para casa
Durma, querida, não chore
E eu lhe cantarei uma canção de ninar

Sonhos dourados enchem seus olhos
Sorrisos lhe acordam quando você se levanta
Durma, querida, não chore
E eu lhe cantarei uma canção de ninar

Certa vez havia um caminho para voltar para casa
Certa vez havia um caminho para voltar para casa
Durma, querida, não chore
E eu lhe cantarei uma canção de ninar

Garoto, você ira carregar esse peso
Carregar esse peso por um longo tempo
Garoto, você ira carregar esse peso
Carregar esse peso por um longo tempo

Eu nunca te dei meu travesseiro
Eu apenas lhe enviei meu convite
E no meio das celebrações
Eu desabei

Garoto, você ira carregar esse peso
Carregar esse peso por um longo tempo
Garoto, você ira carregar esse peso
Carregar esse peso por um longo tempo
 


domingo, 16 de fevereiro de 2014

Lançamento:Uma carta de amor

Um dos lançamentos da editora Arqueiro é o  livro de nada mais nada menos que de Nicholas Sparks. Para quem não sabe esse livro ganhou adaptação cinematográfica em 1999.

Sinopse: "Há três anos, a colunista Theresa Osborne se divorciou do marido após ter sido traída por ele. Desde então, não acredita no amor e não se envolveu seriamente com ninguém. Convencida pela chefe de que precisa de um tempo para si, resolve passar férias em Cape Cod. Durante a semana de folga, depois de terminar sua corrida matinal na praia, Theresa encontra uma garrafa arrolhada com uma folha de papel enrolada dentro. Ao abri-la, descobre uma mensagem que começa assim: “Minha adorada Catherine, sinto a sua falta, querida, como sempre, mas hoje está sendo especialmente difícil porque o oceano tem cantado para mim, e a canção é a da nossa vida juntos.” Comovida pelo texto apaixonado, Theresa decide encontrar seu misterioso autor, que assina apenas “Garrett”. Após uma incansável busca, durante a qual descobre novas cartas que mexem cada vez mais com seus sentimentos, Theresa vai procurá-lo em uma cidade litorânea da Carolina do Norte. Quando o conhece, ela descobre que há três anos Garrett chora por seu amor perdido, mas também percebe que ele pode estar pronto para se entregar a uma nova história. E, para sua própria surpresa, ela também. Unidos pelo acaso, Theresa e Garrett estão prestes a viver uma história comovente que reflete nossa profunda esperança de encontrar alguém e sermos felizes para sempre. "

quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

Livros:Cretino Irresistível e Cretina Irresistível

Cretino Irresistível : "Uma estagiária ambiciosa. Um executivo perfeccionista. E um relacionamento ardente e totalmente perigoso!
Esperta, dedicada, prestes a cursar um MBA, Chloe Mills tem apenas um único problema: seu chefe, Bennet Ryan. Ele é exigente, insensível, sem consideração - e completamente irresistível. Um belo cretino. Bennet acaba de retornar da França para assumir um cargo importante na empresa de comunicações de sua família. Mas o que ele não poderia imaginar era que a pessoa que o ajudava enquanto ele estava no exterior era essa criatura linda, provocadora e totalmente irritante que agora ele tem de ver todos os dias. Ele nunca foi do tipo que se envolve em relacionamentos no ambiente de trabalho, mas Chloe é tão tentadora que ele está disposto a flexibilizar essa regra - ou quebrá-la de uma vez - para tê-la. Por todo o escritório! Mas o desejo que um sente pelo outro cresce tanto que Bennet e Chloe terão de decidir o que estão dispostos a perder para ganhar um ao outro."

 Cretina Irresistível não vou colocar sinopse para não dar SPOILER, mas também vou citar na postagem, por isso resenha dupla!

 Então com a onda de livros como  o tão conhecido Cinquenta Tons De Cinza, veio "Cretino Irresistível" que creio eu, despertou a curiosidade de muitos leitores. Li no ano passado e é importante ressaltar que não é indicado para menores de 18 anos, já que é uma leitura em que as relações amorosas são expostas de forma nada sutil. 

O livro consegue te prender e algo que é bacana no livro é que apesar da leitura ser em primeira pessoa, o leitor tem a oportunidade de ver os dois lados, já que temos a narração feita por Chloe, mas também temos a narração de Bennet. 

 Ao terminar o livro eu pensei "Agora que me apeguei aos personagens termina?" . Com certeza, não fui a única que pensou nisso, pois a pedido de fãs veio a tão esperada continuação "Cretina Irresistível", Eu ainda não tinha esse livro  e a editora Universo Dos livros foi muito gentil, mandando aqui para o blog esse e  o livro "Estranho Irresistível". 

Voltando ao "Cretina Irresistível" essa é uma leitura super rápida  ao mesmo estilo do livro anterior. Uma curiosidade é que "Cretino Irresistível " vai virar filme! Então se você curte um livro bem  hot essa é uma boa dica.

domingo, 9 de fevereiro de 2014

Seriado: Reign

Tinha que fazer essa postagem. Por que ? Esse seriado se tornou meu vício durante os últimos dias.

Sinopse: "A série conta a história de Mary Stuart, Rainha da Escócia e seu caminho até o poder, iniciando com sua chegada à França ainda na adolescência e seu noivado com o Príncipe Francis. Acompanhada de suas quatro melhores amigas, Mary precisa sobreviver às intrigas, inimigos e forças obscuras que tomam conta da corte francesa."

Ainda está em sua primeira temporada; conta uma ótima história, mostrando bem a disputa de nações Inglaterra x França, as diferenças religiosas, os subordinados ( Empregados, soldados...) x Realeza.

 Fiz uma maratona vendo todos os episódios já exibidos. Reign é um seriado que te prende e uma das características que amei é: Cada capítulo acontece MUITA coisa ( Sempre há um "novo problema") .

 O elenco é ótimo! Lembram da atriz Anna Popplewell ( Mais conhecida pelo papel de Susana- irmã mais velha nos filme das Crônicas de Nárnia); ela trabalha no seriado mas não é a protagonista.
  
Meninas! Suspirem pelos personagens Francis (Que já adianto NÃO é meu favorito apesar de fofo) e Sebastian mais conhecido como Bash que me conquistou #TeamBash por se demonstrar mais seguro em relação ao que sente em relação a Mary . Falando nela, a protagonista é outro show a parte, porque é o tipo de mocinha decidida que não fica  "parada" diante de um problema e  usa cada figurino mais deslumbrante que o outro. Ainda sobre os personagens um que achei muito interessante para o enredo da série foi  Nostradamus  que é o conselheiro/amigo  da rainha.


Com uma ótima produção,  Reign  têm drama, intriga, mistério e romance! Se tornou um dos meus seriados favoritos e mal posso aguardar para mais episódios.



sexta-feira, 7 de fevereiro de 2014

Entrevista: Lu Piras

Autora dos livros: Equinócio - A Primavera, Polaris - O Norte e A Última Nota;Lu Piras é uma pessoa super fofa, me considero sortuda por conhecer ela pessoalmente... Segue a entrevista especial aqui para o blog:
Obs.: Ela me chama de Liza por causa do meu pseudônimo como autora.

1) Lu atualmente você tem 3 livros publicados por editora, em geral, não é um processo fácil o escritor conseguir a sonhada publicação. Você pode contar um pouquinho como foi essa experiencia para você?

O começo não foi fácil, Liza. E, mesmo após quase dois anos da primeira publicação, ainda não é. Sendo o mercado literário saturado de concorrências estrangeiras, o escritor nacional precisa, todos os dias, investir tempo e dedicação na divulgação do seu trabalho. Não é só escrever, escrever, escrever, como muitos de nós sonham. No final de 2011, quando a série Equinócio era ainda um projeto independente, com capa provisória e sem sinopse definida, o facebook e a blogosfera literária surgiram na minha vida como o caminho mais eficaz para atrair a atenção de uma editora. Foi uma petição online que levou o editor da Dracaena Editora a me telefonar, pedindo o manuscrito de Equinócio - a Primavera. Aprovado, Equinócio - a Primavera foi publicado em junho de 2012. Continuei meu trabalho de divulgação, com o propósito ainda mais firme de solidificar minha carreira literária. Conforme as primeiras resenhas foram surgindo, fui me sentindo mais entusiasmada para prosseguir. O segundo livro da mesma série, Polaris - o Norte, foi publicado na segunda metade de 2013 (um ano depois do primeiro), pela mesma editora. Entretanto, conheci o escritor Felipe Colbert em um evento literário, e posteriormente, assisti sua aula sobre estruturação de romances. Desse contato e interesse mútuo, surgiu o convite do Felipe para uma parceria. Escrevemos o A Última Nota, que foi publicado em dezembro de 2012 pela Novo Século. O mercado tem aquecido para os escritores nacionais e hoje percebo uma abertura maior das editoras, mas é preciso persistência. Sempre haverá espaço para aqueles que têm a vocação e acreditam em seu potencial.   

2)Cite 3 autores que você é fã.

Além de ser fã de todo escritor nacional que valoriza a língua e a cultura brasileiras, cito alguns daqueles que melhor representam, para mim, a literatura nacional: Machado de Assis, João Ubaldo Ribeiro e Jorge Amado. 

3) Sei que é complicado, mas três livros que você ama e se puder explique o motivo.

Capitães de Areia,  de Jorge Amado - foi um dos primeiros contatos que tive com a literatura nacional, ampliou meus horizontes, extravasando as fronteiras da literatura. Esse livro me introduziu o contexto social e cultural do povo brasileiro. 

O Caçador de Pipas, de Khaled Hosseini - uma história tão bem contada que me impressionou. Pela primeira vez, tive a experiência do conflito de sentimentos o durante a leitura. Fiquei feliz, triste, dividida, apreensiva. Um livro que me emocionou do começo ao fim. Amir e Hassan sempre terão um lugar no meu coração. 

O Diário de Anne Frank, de Anne Frank - histórias reais têm o poder de mexer com o leitor, tem o condão de nos impor uma realidade e nos inserir nela. Aos 15 anos e me identifiquei muito com a Anne. A realidade da guerra sempre foi uma curiosidade para mim, mas até ler esse livro eu nunca havia imaginado as várias vertentes e óticas do que foi aquele pesadelo mundial. A visão singela e inteligente de Anne me apresentou um referencial marcante. 

4)Pergunta clichê, mas os leitores sempre desejam saber...Qual a inspiração para escrever?

Toda forma e expressão de arte me inspira. Uma música, um filme, uma escultura, uma pintura. Equinócio - a Primavera, por exemplo, surgiu da escultura Eros & Psiquê, de Antonio Canova. Muitas cenas em A Última Nota, em especial as cenas finais, precisei escrever ouvindo música. 

5)Você imagina algum personagem criado por você como algum ator/atriz em caso adaptação cinematográfica? Se sim, quem ? #Curiosa

Todos! Todos os personagens têm rostos definidos na minha cabeça. Para a maioria já encontrei semelhanças com alguns atores e atrizes (até cantores!) e poderia definir um casting dos sonhos. O Sebastian, do A Última Nota, me faz lembrar o cantor Jon McLaughlin. A Clara Abravanel, de Equinócio, me faz lembrar a atriz Camilla Belle. 

6)Um sonho e um medo.

Eu sonho poder viver do que eu amo, que é escrever. Meu medo é a saudade.

7)Por favor, deixe um recado especial para os leitores do blog.

Muito obrigada pela entrevista, Liza. Foi um prazer imenso poder falar um pouco de mim e dos meus livros com alguém que admiro tanto como blogueira, quanto como autora. Para os leitores que nos acompanham, deixo um grande beijo e um agradecimento muito especial. Espero o contato de vocês no facebook (LuPiras80), no twitter (@lupiras80) e no site oficial www.lupiras.com 

terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

Livros: A Caminho da Sepultura e Com Um Pé Na Sepultura

A Caminho da Sepultura
Sinopse: "A meia vampira Catherine Crawfield persegue os mortos-vivos atrás de vingança, esperando que um destes seres seja seu pai. Capturada por Bones, um vampiro caçador de recompensas, é forçada a uma parceria profana.
Em troca de encontrar o pai, Cat concorda em treinar com o sexy caçador noturno até que seus reflexos de combate estejam tão afiados quanto os dentes dele. 
Aos poucos, percebe que ser uma semimorta não é totalmente ruim, mas antes que possa aproveitar seu status de incrível caçadora de demônios, Cat e Bones são perseguidos por um grupo de assassinos. 
Ela terá que escolher um lado... e Bones está se tornando tão tentador quanto alguém com um coração batendo."


Com Um Pé Na Sepultura
Sinopse:" A meio-vampira Cat Crawfield é agora a Agente Especial Cat Crawfield, trabalhando para o governo para livrar o mundo de mortos-vivos mal intencionados. Ela ainda usa tudo o que Bones, seu ex-namorado sexy e perigoso, ensinou a ela. Mas quando Cat torna-se alvo de assassinos, o único homem que pode ajudá-la é justamente o vampiro que ela abandonou. Estar perto dele desperta todas as suas emoções, desde a adrenalina ao matar vampiros ao seu lado à temerária paixão que os consome. Mas o preço por sua cabeça – Procura-se: morta ou meio-morta – significa que sua sobrevivência depende de unir-se a Bones. Não importa o quanto tente manter as coisas profissionais entre eles, Cat irá descobrir que o desejo dura para sempre... E que Bones não vai deixá-la fugir novamente. "

Hoje, a resenha vai ser dupla! Sempre me indicaram para ler a série de livros "Night Huntress" e sempre me falavam "Bones isso, Bones aquilo...." A curiosidade foi alta e resolvi ler, agora entendo a seguinte declaração:

 “Uma nova reviravolta nos clássicos mitos de vampiros… Jeaniene Frost tem um livro campeão em suas mãos.” (Yasmine Galenorn, autora bestseller de Changeling, USA Today.)"

Um fato que me surpreendeu é o seguinte, o tão famoso personagem Bones, tem todos os ingredientes para ser o vilão; já fez MUITAS coisas durante sua vida ou melhor "morte" e mesmo assim, nós leitoras ficamos torcendo para o romance dele com a protagonista Cat, acho que esse talvez seja o segredo da autora fazer tanto sucesso.

A protagonista Cat, também é "diferente" não é aquela mocinha inocente, é uma mulher que sabe o que quer, corajosa e sarcástica, fato esse que se torna meio engraçado na leitura já que o livro é narrado em primeira pessoa.

Ambos os livros tem descrição na medida certa, bastante ação ( Aquele tipo de livro que sempre está acontecendo algo em algum capítulo) e é bastante Hot !
Quando terminei o primeiro volume fiquei super curiosa para o segundo e infelizmente eu não tinha pois ganhei de presente o volume 1 e o terceiro, aí a editora Novo Século parceira aqui do blog mandou o volume 2 e eu pude matar minha curiosidade. No segundo volume, muitas surpresas e uma leitura que flui rapidamente.

Talvez muitos leitores tenham "enjoado"  das histórias vampirescas, mas Jeaniene Frost consegue prender o leitor em sua trama .  Com certeza, é uma ótima dica de leitura para quem gosta de de uma leitura com ação e muitas cenas hots.

domingo, 2 de fevereiro de 2014

Seriado:How I Met Your Mother

Sinopse: "A comédia enfoca a busca de Ted para encontrar o amor de sua vida. Tudo começa quando seu melhor amigo, Marshall, anuncia seu noivado com a namorada Lily, uma professora do jardim da infância. Neste instante, Ted se dá conta de que precisa fazer alguma coisa para não terminar sozinho. Para ajudá-lo em sua busca está Barney, um amigo com opiniões infindáveis e sugestões muitas vezes imprudentes. Quando Ted conhece Robin, ele acredita ser amor à primeira vista. Porém, ele não sabe que o destino lhe reservou algo a mais. A história é narrada no futuro, a partir das lembranças do protagonista."

Vejo muita gente comparando esse seriado com Friends (Que AMO!)... Talvez o que tenham em comum sãos os personagens marcantes, cada um te cativa de alguma forma com qualidades e defeitos.

  Você se sente  como se tais personagens fossem seus amigos (Ou pelo menos tem aquela enorme vontade de ter amigos como eles). Assim como acontecia em Friends que eu queria estar no "Central Perk" para tomar um simples copo de café, me vi querendo estar no bar em que Ted e seus amigos se encontram.



Atualmente, está na nona temporada e pelo que soube última. "How I Met Your Mother" é repleto de episódios divertidos.Mas com certeza, um que me marcou foi quando conheci a música "Let's Go To The Mall' . 


 Então, se na vida real já temos tanto drama por que não rir um pouco ? Fica a dica de um ótimo seriado que entra na minha lista secreta (Ok! Não tão secreta assim Rsr) de seriado Top Top. "How I Met Your Mother" um seriado leve que você se vê rindo sozinha ( E como isso é bom!)